Tag Archives: pimento

Perdiz de Escabeche (Beira Interior)

perdiz de escabeche

Perdiz de escabeche é um prato tradicional de caça oriundo da Beira Interior, região onde podemos encontrar diversos pratos desta especialidade. Trata-se de uma receita derivada de tradições muito antigas, típicas da região, em que os homens iam à caça e as mulheres guardavam as perdizes em escabeche para as irem comendo durante todo o Inverno. Na época não havia ainda frigoríficos ou congeladores domésticos para conservar a carne, pelo que as perdizes mantinham-se por longos períodos de tempo – a caça acabava no final de dezembro e as podiam conservar-se até à primavera.

O prato foi um dos finalistas no concurso das 7 Maravilhas da Gastronomia Portuguesa, representando a Beira Interior, na categoria de caça. A confeção baseia-se em ingredientes simples, onde predomina o uso dos temperos e das ervas aromáticas, que intensificam sabores e aromatizam o prato, tornando-o muito apelativo.

Couve Recheada (Hungria)

couve recheada (Hungria)

Esta é uma das receitas tradicionais de Natal da Hungria, particularmente apreciada no Natal. Além da couve recheada, a mesa de Natal dos húngaros é composta por pratos tradicionais como a sopa de peixe e o peru.

A couve recheada (Töltött Káposzta) é muito popular, não só na Hungria como em todo o Leste Europeu, sendo bastante consumida nos dias frios de inverno. A forma de preparar a receita varia muito de uma região para outra, chegando mesmo as famílias a ter as suas próprias versões. No entanto, apesar das variações, este prato tradicional de Natal consiste em deliciosos rolinhos de couve recheados com carne de porco.

Bacalhau à Luziamar (Viana do Castelo)

Bacalhau à Luziamar (Viana do Castelo)

Este prato de bacalhau, típico de Viana do Castelo, no norte de Portugal, popularizou-se e é hoje uma das referências da cozinha portuguesa.

Trata-se de uma receita farta, pelos ingredientes que leva e modo de confeção. É feita com lombos fritos de bacalhau, acompanhados com um refogado de cebola e tomate, rodeado de puré de batata. No final, vai ao forno a gratinar, coberto com presunto, pickles, maionese, tiras de pimentos, azeitonas e salpicado com queijo ralado.

Ingredientes:

Sopa de Peixe – Halászlé (Hungria)

Sopa de Peixe - Halászlé (Hungria)

Halászlé é uma sopa picante de peixe com paprica, tomate, pimento e cebola. Tradicionalmente, a sopa é feita em caldeirões grandes, ao ar livre. Esta sopa de peixe é um dos pratos tradicionais que constam na ementa da ceia de Natal.

A Hungria é um país com uma grande riqueza gastronómica, contando com pratos condimentados e deliciosos que, de modo geral, são saborosos, saudáveis e nutritivos. As sopas, de carne ou de peixe, são muito apreciadas e de sabor intenso, sendo o Halászlé (a par do Goulash e do Jokai Bableves) uma das mais apreciadas da cozinha tradicional húngara.

Massa de Pimentão (Algarve)

massa de pimentão

A massa de pimentão, ou pasta de pimento, é originária da região do Algarve, sendo muito utilizada na parte sul de Portugal, maioritariamente na preparação de carne de porco e peixe assados. No entanto, é generalizadamente empregue nos pratos da cozinha tradicional portuguesa.
Pode usar a  massa de pimentão para marinar peixes, aves ou outras carnes, ou ainda para acrescentar a guisados. Dê aos seus pratos o sabor da tradição, preparando um molho com massa de pimentão, um pouco de vinho branco e ervas aromáticas.
Há duas formas de a preparar – crua ou cozida -, sendo que a crua é a mais tradicional. Deixamos-lhe as duas formas de a confecionar e, a partir daí, poderá optar como confecionar a sua massa de pimentão, que poderá ter armazenada até um ano.

Ingredientes: