Pratos de Carne

Chanfana (Miranda do Corvo)

chanfana

A Chanfana é um prato da região centro de Portugal, com um lugar de destaque no receituário da cozinha tradicional pelo sabor e aroma de excelência, apesar da simplicidade dos seus ingredientes, sendo a preparação apurada ao longo dos tempos. A receita, que deve ser preparada de véspera para tomar o sabor dos temperos, é feita à base de carne de cabra, devidamente condimentada, temperada e totalmente coberta com vinho tinto de boa qualidade. O acompanhamento típico deste prato é a tradicional batata cozida com pele, embebida no molho intenso da carne. Há quem diga que a chanfana é ainda melhor se for reaquecida e comida no dia seguinte ao do preparo.

A receita terá nascido em Semide, uma freguesia do concelho de Miranda do Corvo, que é atualmente conhecido por ser a capital da Chanfana. Também é conhecida como Carne de Matrimónio, por ser tradicionalmente servida em todos os casamentos na região, ou Lampantana, na região da bairrada. Pensa-se que terá sido um prato criado pelas monjas do Mosteiro de Santa Maria de Semide que, durante as invasões francesas, para evitar que os franceses lhes roubassem os rebanhos, mataram os animais e os cozinharam. Como os franceses tinham envenenado as águas, as monjas utilizaram vinho na confeção.

Carne Agridoce – Sauerbraten (Alemanha)

Carne Agridoce - Sauerbraten

Sauerbraten é uma receita tradicional alemã que consiste num assado de carne, geralmente bovina, marinado numa mistura de ingredientes que lhe conferem o seu característico sabor agridoce. A carne tem de ficar pelo menos 24 horas na marinada, sendo que um bom sauerbraten pode marinar durante vários dias.

É um dos pratos alemães mais conhecidos, havendo variações regionais da receita ao nível dos ingredientes da marinada, molho e acompanhamentos. Tradicionalmente, o prato é servido com couve roxa, bolinhos de batata, batata cozida ou macarrão.

Galeto ao Primo Canto (Rio Grande do Sul)

galeto al primo canto

Galeto ao Primo Canto é uma receita tradicional gaúcha, feita à base de frangos pequenos assados, sendo considerada uma das referências gastronómicas de Rio Grande do Sul, a par do arroz de carreteiro e o churrasco.

Desde a década de 30 do séc. XX que este prato é comercializado em restaurantes, intitulados galeterias, que alcançaram fama, tendo-se disseminado por todo o estado de Rio Grande do Sul.

Mão de Vaca com Grão | Meia-unha

Mão de vaca com grão

Este prato típico da cozinha tradicional portuguesa, também conhecido como Meia-unha, é feito à base de mão de vaca e grão de bico. Além destes ingredientes, também inclui ingredientes como a cenoura, azeite, chouriço de carne, tomate e vinho branco .

A receita remonta aos finais do séc. XVIII, tendo a sua origem na Malveira, onde era vendido numa feira local anual. Esta tradição manteve-se até à atualidade, sendo um dos pratos de referência em todas as tabernas da Malveira, sobretudo nos dias de feira.

Rojões à Moda do Minho

rojões à moda do Minho

Este prato de carne, típico da região do Minho, é um dos mais tradicionais da cozinha portuguesa. É confecionado com ingredientes diversos, que lhe dão um colorido e aparência peculiar, começando pela carne de porco cortada em cubos – designados rojões – tripas enfarinhadas, chouriço, fígado e sangue.

No Minho, os rojões são tradicionalmente servidos com rodelas de limão e raminhos de salsa, sendo também acompanhados com arroz de sarrabulhopapas de sarrabulho ou arroz branco.