Pular para o conteúdo
Home » Vinho Quente (Vila do Conde)

Vinho Quente (Vila do Conde)

Compartilhe!

A invenção do vinho quente vem de épocas remotas, quando o vinho precisava ser diluído em água e preparado com especiarias e algo para adocicar, para ficar com um sabor mais agradável. Era servido quente, sobretudo nas regiões mais frias, para aquecer as mãos e corpo dos habitantes locais. Hoje em dia, há várias versões de vinho quente por todo o mundo.

Esta receita em concreto é uma sobremesa tradicional de Vila do Conde, geralmente servida na ceia de Natal, depois dos fritos e após a Missa do Galo. É feita à base de vários tipos de vinho, aquecidos e misturado com gemas de ovos e pedaços de pão.

Ingredientes:

(6 a 8 pessoas)
  • 1 litro de água
  • 250 g de açúcar
  • 250 ml de vinho verde tinto
  • 250 ml de vinho da Madeira (tinto ou Moscatel)
  • 250 ml de vinho do Porto (tinto doce)
  • 6 ovos
  • pão duro q.b.
  • sal q.b.

Confeção:

Bata as gemas com o açúcar até obter uma boa gemada.

Leve a água ao lume, com umas pedrinhas de sal, e deixe levantar fervura.

Retire do calor, junte os vinhos verde e da Madeira e lave novamente ao lume para ferver.

Adicione depois o líquido, a pouco e pouco, à gemada. Volte a levar ao lume apenas para ferver.

Já fora do calor, adicione o vinho do Porto. Mexa e, se for necessário, junte um pouco mais de açúcar.

Na altura de servir, aqueça o vinho em banho-maria e sirva em chávenas com pedaços de pão.

[shopeat_button]

1 comentário em “Vinho Quente (Vila do Conde)”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *