Tag Archives: batata

Cozido das Furnas (Ilha de S. Miguel)

cozido das Furnas (Ilha de S. Miguel)

Este é um dos pratos tradicionais mais emblemáticos da ilha de S. Miguel, nos Açores, sendo cozido nas caldeiras naturais da Lagoa das Furnas.
Para o confecionar, os vários ingredientes são colocados numa panela, que é submersa na terra junto às caldeiras, sendo cozinhado pelo calor natural emanado da atividade vulcânica.
Aqui descrevemos a forma tradicional de confecionar a receita. No entanto, provavelmente não residirá nos Açores, junto às caldeiras naturais das Furnas, pelo que terá de adaptar a preparação do cozido à sua realidade. Deste modo, poderá colocar o tacho no forno a lenha ou, na falta deste, no forno elétrico. É claro que a receita não ficará com o sabor característico de quando é confecionada na ilha, em que sobressai um certo paladar a enxofre, próprio das matérias vulcânicas, mas não deixará de ser um cozido à moda das Furnas…

Ingredientes:

Caldo de Cascas (Trás-os-Montes)

calso de cascas

O caldo de cascas é o nome dado a uma sopa tradicional transmonatana, cuja designação provém do feijão-verde seco ao sol, regionalmente denominado cascas ou casulas. O regime alimentar típico dos transmontanos inclui pratos consistentes, com sabor e aroma fortes, capazes de retemperar forças para os trabalhos nos campos. Esta sopa (que na região se designa caldo) foi também uma forma de enfrentar o frio rigoroso do inverno, sendo tradicionalmente confecionada nessa época do ano.

Na sua confeção entram produtos regionais como a carne fumada (linguiça, salpicão, chouriço ou presunto), temperados com sal e azeite, adicionando-se por fim as batatas e as cascas.

Cabrito Assado (Beira Alta)

cabrito assado

A cozinha tradicional portuguesa é considerada uma das mais sugestivas e saborosas, contando com uma variedade de receitas e ingredientes regionais que lhe dão um colorido e paladar únicos. Cada região tem as suas tradições gastronómicas e, no Natal, os pratos típicos de cada região ganham especial relevo e importância, também por ser uma festa de família, em que se reavivam costumes antigos.

O cabrito assado é um dos pratos tradicionalmente servidos no Natal, em Portugal, tendo especial expressão nas regiões do norte e Beiras, em que a paisagem natural serrana é propícia à criação deste tipo de animais. Saiba como preparar a receita tradicional de cabrito assado à moda da Beira Alta, um prato típico de Fornos de Algodres, no distrito da Guarda.
O cabrito, que deverá ser preparado de véspera e sem a fressura, é acompanhado com batatinhas.

Chanfana (Miranda do Corvo)

chanfana

A Chanfana é um prato da região centro de Portugal, com um lugar de destaque no receituário da cozinha tradicional pelo sabor e aroma de excelência, apesar da simplicidade dos seus ingredientes, sendo a preparação apurada ao longo dos tempos. A receita, que deve ser preparada de véspera para tomar o sabor dos temperos, é feita à base de carne de cabra, devidamente condimentada, temperada e totalmente coberta com vinho tinto de boa qualidade. O acompanhamento típico deste prato é a tradicional batata cozida com pele, embebida no molho intenso da carne. Há quem diga que a chanfana é ainda melhor se for reaquecida e comida no dia seguinte ao do preparo.

A receita terá nascido em Semide, uma freguesia do concelho de Miranda do Corvo, que é atualmente conhecido por ser a capital da Chanfana. Também é conhecida como Carne de Matrimónio, por ser tradicionalmente servida em todos os casamentos na região, ou Lampantana, na região da bairrada. Pensa-se que terá sido um prato criado pelas monjas do Mosteiro de Santa Maria de Semide que, durante as invasões francesas, para evitar que os franceses lhes roubassem os rebanhos, mataram os animais e os cozinharam. Como os franceses tinham envenenado as águas, as monjas utilizaram vinho na confeção.

Polvo à Antiga

Polvo à Antiga

Esta é uma receita de polvo assado no forno, com batatas e pimentos, generosamente regados com azeite. Sendo o polvo, a par do bacalhau, uma presença marcante à mesa das famílias portuguesas nas celebrações natalícias, esta receita é uma excelente alternativa ao prato tradicional.

Ingredientes: