Pular para o conteúdo
Home » Bolo das Rosas (Grândola)

Bolo das Rosas (Grândola)

Compartilhe!

Hoje apresentamos-lhe mais uma deliciosa receita alentejana – o Bolo das Rosas, que é uma referência da doçaria regional de Grândola.

Este bolo, feito à base de leite e manteiga, com recheio de amêndoas trituradas e, por cima, uma calda de açúcar com aroma a baunilha, deve o seu nome ao aspeto com que fica depois de pronto. É um bolo que fica muito bom e, pela sua apresentação e textura, fica sempre bem numa mesa, seja ela festiva ou não.

O aspeto exterior não deixa adivinhar o quão fofo e húmido ele fica. Uma daquelas receitas que vale a pena experimentar!

Ingredientes:

Para a massa
  • 1 pitada de sal
  • 125 g de manteiga derretida
  • 2o g de fermento de padeiro fresco
  • 2 ovos
  • 250 ml de leite
  • 500 g de farinha
Para o recheio
  • 120 g de manteiga derretida
  • 120 g de açúcar
  • 120 g de amêndoa
Para a calda
  • 1 colher (chá) de essência de baunilha (ou uma vagem)
  • 150 g de açúcar
  • 400 g de água

Confeção do modo Tradicional:

Dissolva o fermento no leite morno.

Misture a farinha com a manteiga e o sal.

Junte o leite, aos poucos, e vá amassando até que a massa se solte das mãos.

Acrescente um ovo de cada vez e amasse muito bem.

Tape a massa e deixe-a levedar até dobrar de volume (aproximadamente 1 hora).

Forre uma forma de fundo amovível (26 cm ∅) com papel vegetal.

Estando lêveda, estenda a massa com o rolo numa superfície enfarinhada, dando-lhe a forma de um retângulo.

Pincele com a manteiga do recheio derretida e espalhe por cima a amêndoa misturada com o açúcar.

Enrole a massa como se estivesse a fazer uma torta, começando pelo lado mais comprido do retângulo e divida-a em nove partes iguais.

Coloque as rosas na forma, com uma pequena distância entre si, de modo a formar uma flor – uma no centro e as restantes ao seu redor.

Deixe a massa levedar mais 30 minutos, até as rosas aumentarem de volume, ocupando todo o espaço livre e pressionando-se entre si.

Coza o bolo, em forno pré-aquecido a 180ºC, cerca de 35 minutos.

Para a calda, leve a água, o açúcar e a baunilha a aquecer em lume brando, mexendo sempre até engrossar e ganhar o ponto de xarope.

Regue o bolo, ainda na forma, com a calda e aguarde um pouco para que seja absorvida.

Desenforme para um prato e sirva.

Preparação na Bimby:

Deite o leite no copo e programe 3 minutos, temperatura 50º, velocidade 1.

Junte o fermento e programe 10 segundos, velocidade 4.

Adicione a manteiga e defina mais 15 segundos, mantendo a mesma velocidade.

Adicione a farinha e o sal e programe 20 segundos, velocidade 6.

Reduza para a velocidade 3 e, com a maquina em movimento, junte os ovos e bata 3 minutos, velocidade espiga.

Deixe a massa repousar no copo da Bimby, até dobrar de volume (± 40 minutos).

Forre uma forma de fundo amovível (26 cm ∅) com papel vegetal.

Estando lêveda, estenda a massa com o rolo numa superfície enfarinhada, dando-lhe a forma de um retângulo.

Pincele com a manteiga do recheio derretida e espalhe por cima a amêndoa misturada com o açúcar.

Enrole a massa como se estivesse a fazer uma torta, começando pelo lado mais comprido do retângulo e divida-a em nove partes iguais.

Coloque as rosas na forma, com uma pequena distância entre si, de modo a formar uma flor – uma no centro e as restantes ao seu redor.

Deixe a massa levedar mais 30 minutos, até as rosas aumentarem de volume, ocupando todo o espaço livre e pressionando-se entre si.

Coza o bolo, em forno pré-aquecido a 180ºC, cerca de 35 minutos.

Para a calda, coloque todos os ingredientes no copo da Bimby e programe 20 minutos, temperatura varoma, velocidade 1.

Regue o bolo, ainda na forma, com a calda preparada e aguarde um pouco para que seja absorvida.

Desenforme para um prato e sirva.

1 comentário em “Bolo das Rosas (Grândola)”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *