Belouras (Minho)

belouras

Beloura, bolacho, farinhato, pilouco ou bica são as diferentes designações deste manjar da cozinha tradicional portuguesa, mais concretamente da região do Minho, no norte de Portugal.
As belouras são feitas à base de farinha de trigo, de milho e de centeio, amassadas com sangue de porco e condimentadas com temperos fortes. Devem ser sempre cortadas em rodelas finas, fritas e servidas de imediato, bem quentes.
Tradicionalmente, as belouras integram a receita dos Rojões à moda do Minho, mas são um excelente acompanhamento de outros pratos ou petiscos.

Ingredientes:

  • 1 dente de alho
  • 1 folha de laranjeira
  • 1 folha de louro
  • 1 ramo de salsa
  • 10 g de fermento de padeiro
  • 125 g de farinha de centeio
  • 125 g de farinha de trigo
  • 250 g de farinha de milho
  • 70 g de sangue de porco líquido
  • água de cozer carnes
  • pingue (gordura de cozer os rojões)
  • sal, pimenta e cominhos q.b.

Confeção:

Misture as farinhas e peneire.

Amasse-as com o fermento de padeiro, a pimenta, os cominhos, o sangue e a água de cozer carnes, em quantidade suficiente para obter uma massa dura.

Deixe levedar em ambiente morno até abrir fendas.

Com as mãos molhadas, dê forma cilíndrica à massa.

Leve as belouras a cozer em água a ferver, temperada com sal, salsa, alho, folhas de laranjeira e louro. Assim vierem à superfície é sinal de que estão cozidas.

Retire as belouras e coloque-as num tabuleiro, abafadas entre dois panos.

Na altura de servir, corte-as em fatias finas e frite no pingue.

Se fizer esta receita, mande-nos a sua foto para o email cozinhaatradicional@gmail.com e nós faremos a divulgação com a indicação da sua autoria.

1 resposta a Belouras (Minho)

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>