Pular para o conteúdo
Home » Arroz de Lampreia (Ponte de Lima)

Arroz de Lampreia (Ponte de Lima)

Compartilhe!

A lampreia vive no mar,  mas desloca-se para os rios, para desovar, a partir de dezembro, sendo a sua pesca autorizada, no Rio Minho, normalmente a partir de 15 de Janeiro. É por isso que os meses entre fevereiro e abril são conhecidos, em termos gastronómicos, como os meses da lampreia.

O arroz de lampreia é uma das iguarias que se pode confecionar com este peixe controverso (amado por uns e detestado por outros), sendo um prato tipicamente minhoto. Existem algumas diferenças na confeção deste prato de peixe, sendo a de Ponte de lima muito semelhante à variante de Entre-os-Rios, caracterizando-se por levar presunto.

Ingredientes:

  • 1 cebola grande
  • 1 folha de louro
  • 1 lampreia com cerca de 1 Kg
  • 1 limão (opcional)
  • 1 ramo de salsa
  • 150 g de presunto
  • 200 ml de azeite
  • 200 ml de vinho branco
  • 350 g de arroz
  • cravinho em pó q.b.
  • sal e pimenta q.b.
  • vinagre q.b.

Confeção:

Escalde a lampreia com água a ferver. Em seguida, raspe-a com uma faca e esfregue com um pano de linho grosso. Lave em várias águas até tirar toda a viscosidade característica deste peixe.

Com uma tesoura, dê uns golpes nas aberturas da cabeça, apanhando o sangue para um recipiente com vinagre (a cabeça não se aproveita).

Faça depois um golpe na barriga, puxe a tripa, com cuidado para não abrir, e tempere o peixe com o vinho, misturado com sangue, sal, cravo e pimenta.

Faça um refogado com o azeite, a cebola picada, a folha de louro e a salsa.

Junte a lampreia inteira, a marinada e o presunto às tiras.

Tape o tacho e deixe estufar em lume brando.

Assim que a lampreia esteja cozida, retire-a, juntamente com um pouco de caldo.

Adicione a água necessária para o arroz (três vezes o seu volume), deixe apurar e junte o arroz, que deverá ficar malandro.

Coloque a lampreia inteira numa travessa, com o molho, e adorne com rodelas de limão. Sirva o arroz numa travessa à parte.

2 comentários em “Arroz de Lampreia (Ponte de Lima)”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *