Arroz de Lampreia (Esposende)

arroz de lampreia

O arroz de lampreia é uma receita tradicional portuguesa, tendo algumas variantes regionais pouco significativas. O arroz de lampreia à moda de Esposende, tal como o de Viana do Castelo, leva vinho verde e chouriço na sua confeção; no entanto, em Esposende, é utilizado maioritariamente o vinho verde tinto, enquanto em Viana é o branco.
Na gastronomia, Esposende destaca-se com pratos tradicionais como o arroz de lampreia (maioritariamente confecionado entre fevereiro e abril, que são considerados os meses deste peixe), as Branquetas da Apúlia e, na doçaria regional, as Cavacas (receita única e registada, passada de geração em geração) e as Clarinhas de Fão.

Ingredientes:

  • 1 cebola grande
  • 1 lampreia
  • 1 raminho de salsa
  • 2 dentes de alho
  • 200 ml de azeite
  • 200 ml de vinho verde tinto
  • 3 rodelas de chouriço de carne
  • sal, pimenta e cravinho q.b.

Confeção:

Corte a lampreia em postas de aproximadamente 6 cm e coloque-as num recipiente com o sangue, o vinho, sal, pimenta, os dentes de alho e a salsa. Deixe o peixe a marinar no mínimo 2 horas, podendo ficar de um dia para o outro.

Deite a cebola picada, o azeite, um pouco de água, o chouriço e os a lampreia escorrida num tacho e refogue durante, pelo menos, 10 minutos.

Estando pronto o refogado, retire a lampreia para um prato e prepare o arroz, acrescentando à calda do peixe a água necessária para que o arroz fique solto.

Quando a calda estiver a ferver, deite o arroz e deixe-o cozer só até ficar malandro, isto é, cozido mas rijinho. Quando o arroz este estiver quase pronto, deite o sangue e retifique os temperos.

Junte a lampreia na altura de servir.

NOTA:
Na região do Minho, o arroz malandro é intitulado “arroz a fugir”.

Se fizer esta receita, mande-nos a sua foto para o email admin@cozinhatradicional.com e nós faremos a divulgação com a indicação da sua autoria.