Tag Archives: alho

Chanfana (Miranda do Corvo)

chanfana

A Chanfana é um prato da região centro de Portugal, com um lugar de destaque no receituário da cozinha tradicional pelo sabor e aroma de excelência, apesar da simplicidade dos seus ingredientes, sendo a preparação apurada ao longo dos tempos. A receita, que deve ser preparada de véspera para tomar o sabor dos temperos, é feita à base de carne de cabra, devidamente condimentada, temperada e totalmente coberta com vinho tinto de boa qualidade. O acompanhamento típico deste prato é a tradicional batata cozida com pele, embebida no molho intenso da carne. Há quem diga que a chanfana é ainda melhor se for reaquecida e comida no dia seguinte ao do preparo.

A receita terá nascido em Semide, uma freguesia do concelho de Miranda do Corvo, que é atualmente conhecido por ser a capital da Chanfana. Também é conhecida como Carne de Matrimónio, por ser tradicionalmente servida em todos os casamentos na região, ou Lampantana, na região da bairrada. Pensa-se que terá sido um prato criado pelas monjas do Mosteiro de Santa Maria de Semide que, durante as invasões francesas, para evitar que os franceses lhes roubassem os rebanhos, mataram os animais e os cozinharam. Como os franceses tinham envenenado as águas, as monjas utilizaram vinho na confeção.

Sável Frito com Açorda (Ribatejo)

sável frito

Este prato de peixe é uma receita da cozinha tradicional portuguesa, mais concretamente da região do Ribatejo, muito marcada pela vida e dinâmica do rio que lhe deu o nome – o rio Tejo. O sável é um peixe do mar, que escolha as águas dos rios para se reproduzir. Embora hoje em dia já não haja a quantidade de outrora, a tradição de confecionar este peixe ainda se mantém muito viva na região.

Além da açorda, que é o acompanhamento mais comum, o sável frito também acompanha com arroz branco ou de cenoura, arroz de tomate ou até uma salada.

Mão de Vaca com Grão | Meia-unha

Mão de vaca com grão

Este prato típico da cozinha tradicional portuguesa, também conhecido como Meia-unha, é feito à base de mão de vaca e grão de bico. Além destes ingredientes, também inclui ingredientes como a cenoura, azeite, chouriço de carne, tomate e vinho branco .

A receita remonta aos finais do séc. XVIII, tendo a sua origem na Malveira, onde era vendido numa feira local anual. Esta tradição manteve-se até à atualidade, sendo um dos pratos de referência em todas as tabernas da Malveira, sobretudo nos dias de feira.

Açorda de Bacalhau à Alentejana

açorda de bacalhau à alentejana

A açorda de bacalhau é uma sopa tradicional alentejana, muito fácil e rápida de preparar. Trata-se de uma receita confecionada geralmente com pão duro, bacalhau, ovos, alho e muitos coentros, regados com azeite e o caldo de cozedura do bacalhau. Os coentros dão a esta sopa um perfume característico, que se envolve agradavelmente com o aroma do peixe.
Este prato típico da cozinha tradicional alentejana é especialmente apreciado no inverno, quando os dias estão mais frios.

Ingredientes:

Polvo à Antiga

Polvo à Antiga

Esta é uma receita de polvo assado no forno, com batatas e pimentos, generosamente regados com azeite. Sendo o polvo, a par do bacalhau, uma presença marcante à mesa das famílias portuguesas nas celebrações natalícias, esta receita é uma excelente alternativa ao prato tradicional.

Ingredientes: